Terreno ou apartamento: qual deles é o melhor investimento para você?

A compra de imóveis está entre os principais investimentos aqui no Brasil. Seja por razões de planejamento familiar (casa própria e nova) ou financeiras (obtenção de bens), investir em um bem dessa natureza, sendo terreno ou apartamento, se tornou mais comum nos últimos anos, mesmo em tempos de crise financeira. 

Mas como saber qual é o melhor investimento para você? Terreno ou apartamento, como escolher? Para te ajudar nessa escolha, neste post você poderá avaliar as características, vantagens e desvantagens de cada um. Confira abaixo!  

terreno ou apartamento

Foto: reprodução

Terreno

Uma das grandes vantagens que levam várias pessoas a optar por investir em um terreno é a valorização que ele pode ter com o passar do tempo. E isso envolve uma série de fatores como a localização e o investimento que for feito no local. 

Com o constante crescimento das cidades, áreas que antes eram comuns podem se tornar grandes centros de comércio e habitação. Com isso, o terreno pode passar a valer o dobro do investimento inicial, por exemplo. Isso acaba gerando vantagem para quem decidiu se tornar proprietário em temporadas pouco favoráveis para a localização. 

Além disso, terrenos são flexíveis. Podem servir para alugar, morar ou até mesmo vender. Além disso, oferece a possibilidade da construção ser feita de acordo com o modelo que você escolher. O que já não é o caso dos apartamentos, já que os modelos são apresentados com um padrão estabelecido quanto a construção do imóvel.  

Apartamento

Para quem não está tão apto a planejar e esperar a construção de um imóvel que corresponda às necessidades da família, os apartamentos podem ser uma ótima alternativa. Eles oferecem a praticidade e agilidade de quem quer se mudar em um prazo curto.

Além disso, quem resolve investir em um apartamento geralmente tem a garantia de um retorno que corresponda às expectativas do início das negociações. 

Ademais, como já foi dito no início, o imóvel “já vem pronto”. Sendo assim, ao término dos trâmites legais de documentação e transferência, você pode receber as chaves e se mudar. 

O que devo considerar além disso?

Agora que você já viu as características de cada um, além de conferir algumas das vantagens e desvantagens de escolher um terreno ou apartamento, é necessário estar atento também a outras questões que envolvem a sua decisão.

Pesquise o histórico

Negócios imobiliários geralmente envolvem valores muito altos e ninguém gostaria de ser prejudicado por investir sem cuidados não é mesmo? Sendo assim, para não cair em golpes, que podem sim acontecer, pesquise o histórico de quem está negociando com você. 

Sendo ela pessoa física e jurídica, como construtoras e imobiliárias, é bom estar certo sobre quem é a pessoa e como foram feitos os outros acordos por meio dela.

Visite o local

É indispensável conferir tudo aquilo que se está adquirindo e isso vai além de produtos simples do cotidiano. Por melhores que estejam as imagens do local, sempre existe um detalhe ou outro que acaba escondido nas fotos. 

Por isso, sendo terreno ou apartamento, a recomendação é visitar o local para avaliar se corresponde ao que foi apresentado nas fotos.

Cuidados com a documentação

Assim como a visita ao local, estar atento à documentação pode garantir que aquilo que foi ofertado na negociação seja entregue. Além disso, com a documentação completa em mãos você também terá meios de recorrer caso algo apresente alguma divergência do que foi combinado. 

Agora ficou mais fácil escolher? Nesse post te ajudamos a analisar diversas questões que envolvem um investimento imobiliário. Terreno ou apartamento, qual deles é o melhor para você? Boa escolha! 

Para conferir outros conteúdos como esse, basta acompanhar o blog de AltaVistta.