fbpx

Drenagem de terreno: o que é, qual a importância e como fazer?

Você sabia que uma drenagem de terreno pode evitar curtos-circuitos e até desabamentos de casas construídas em loteamento? Pois bem, chegou a hora de dar atenção a isso. Com ela você evita de problemas grandes a pequenos outros futuros transtornos como vazamentos e infiltrações presentes em diversos imóveis.

A drenagem é a técnica de escoar águas da chuva de um terreno muito úmido ou alagado com aparelhos e procedimentos específicos que conduzem a água de regiões críticas para outras áreas mais favoráveis. Isso é feito a fim de evitar até mesmo enchentes e problemas com grande umidade em edificações.

No decorrer desse post você entenderá melhor sobre drenagem de terreno, sua importância e como é feita, confira!

 

Tipos de drenagem de terreno

Drenagem de terreno - trator faz drenagem em lote loteamento

Foto: Reprodução

O processo de drenagem pode ser feito de duas formas. Confira quais são:

Subterrânea

Ela é destinada a remover o excesso de água do solo até uma profundidade determinada. Seu sistema funciona com tubos (geralmente de PVC) enterrados e, por isso, se comparada à superficial, ela possui vantagem já que evita a incidência de focos de mosquito.

Além disso, pelo mesmo motivo, não perde muita área útil porque não possui valas abertas e ainda evitam empoçamentos.

 

Superficial

Diferente da subterrânea, a superficial é voltada para a remoção ou escoamento da água de um piso construído ou uma superfície do solo. Ela pode ser feita por desaguamento vertical, por elevação mecânica ou desaguamento contínuo.

No desaguamento vertical, a água drenada passa de uma camada permeável do solo para uma impermeável. No contínuo, é a ação da gravidade que faz o efeito e no caso de elevação mecânica, acontece por uma válvula.

 

Como fazer?

Inclinação

Áreas pavimentadas costumam não ser totalmente planas, com isso a água se acumula em um lugar só. Isso acaba resultando em problemas de escoamento. Além disso, pode gerar infiltrações nas paredes que têm contato direto com as poças e desgastes na pavimentação.

Do mesmo modo, no caso de drenagem de terreno, a superfície não pode ser completamente plana. Afinal, isso pode resultar em uma erosão. O ideal é que mantenha-se uma inclinação de 1 a 2%, dependendo do terreno e da quantidade de água que o local recebe no período chuvoso.

 

Calhas e bueiros

É a principal ferramenta quando se fala em drenagem, pois com eles o escoamento da água pode ser feito de maneira natural O curso da água, nesses casos, é direcionado a áreas onde ela poderá desaguar corretamente.

 

Muros de arimo

É um modelo ideal para evitar deslizamentos de terra. Por isso, é altamente recomendado para a sua casa se o seu terreno for favorável a esse tipo de risco. A captação, nesse caso, acaba se conectando a redes do interior do lote e escoando a água para o sistema de captação pluvial do município.

 

Manutenção e qualidade da drenagem

Sistema de drenagem de terreno em casa de lotemaento

Foto: Reprodução

Como tudo que você deseja manter em bom estado de funcionamento, o seu sistema de drenagem também precisa de manutenção. Portanto, é necessário estar sempre inspecionando como estão as suas instalações, se os canos estão entupidos ou se romperam para evitar problemas.

Além disso, vale lembrar a importância de uma mão de obra qualificada. Afinal, em serviços como este, o barato pode sair muito caro. Dito isso, certifique-se de que o profissional a ser contratado está bem capacitado para esse tipo de trabalho.


Caso tenha achado essa informação útil, compartilhe com outras pessoas que estão em processo de construção de terreno ou desejam adquirir um! Aproveite para assinar nossa newsletter e receber conteúdos sobre planejamento e construção em loteamentos toda semana!